sábado, julho 2A NOTÍCIA QUE INTERESSA
Shadow

Dia: 1 de fevereiro de 2022

Censo Escolar: mais de 650 mil crianças saíram da escola em três anos

Censo Escolar: mais de 650 mil crianças saíram da escola em três anos

EDUCAÇÃO & CULTURA
Número de matrículas na educação infantil teve queda de 7,3% - Agência Brasil - O número de matrículas na educação infantil registrou queda de 7,3% entre os anos de 2019 e 2021. Segundo informações da primeira etapa do Censo Escolar 2021 divulgadas pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) nesta segunda-feira (31), nesse período, 653.499 crianças de até 5 anos saíram da escola.   O índice de crianças matriculadas em creches caiu 9% entre 2019 e 2021. A queda mais expressiva foi registada na rede privada, que apresentou uma redução de 21,6% de 2019 a 2021. Na rede pública, a queda foi de 2,3% nesse período. Ao todo, o Censo Escolar 2021 registrou 69,9 mil creches em funcionamento no Brasil. Em todas as etapas da educação,...
Novo ensino médio começa a ser implementado este ano

Novo ensino médio começa a ser implementado este ano

EDUCAÇÃO & CULTURA
Primeira mudança deve ser ampliação da carga horária - Agência Brasil  - O novo ensino médio começa a ser implementado oficialmente este ano nas escolas brasileiras públicas e privadas. Segundo o presidente do Conselho Nacional de Secretários de Educação (Consed), Vitor de Angelo, a implementação vai começar pelo 1º ano do ensino médio, e a primeira mudança nas redes deverá ser a ampliação da carga horária para pelo menos cinco horas diárias. A reforma também trará desafios, de acordo com Vitor de Angelo, que é secretário de Educação do Espírito Santo. Ele citou, entre esses desafios, a possibilidade de aumento da desigualdade entre regiões, estados e redes de ensino e a necessidade da adequação de avaliações, como o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem).  “A primei...
Governo avalia redução de imposto sobre combustíveis, diz ministro

Governo avalia redução de imposto sobre combustíveis, diz ministro

ECONOMIA
Guedes questiona, porém, adoção de medida similar para a gasolina - Agência Brasil - O ministro da Economia, Paulo Guedes, disse hoje (1º) que o governo avalia redução “moderada” de alguns impostos na elaboração da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) dos Combustíveis. O objetivo da medida é evitar os sucessivos aumentos no preço dos combustíveis. Guedes destacou que o governo estuda reduzir impostos sobre o diesel, mas questionou a adoção de medida similar para a gasolina. “Estamos estudando isso com muita moderação, olhando exatamente para os impostos que poderiam ser moderadamente reduzidos. Pode ser que [em] um [imposto] sobre diesel [se] possa avançar um pouco mais. Mas, sobre gasolina, afinal de contas, se estamos em transição para uma economia verde, se estamos em tran...
Confiança empresarial recua pelo quarto mês consecutivo, diz FGV

Confiança empresarial recua pelo quarto mês consecutivo, diz FGV

ECONOMIA
ICE caiu 2,5 pontos para 91,6 pontos, em escala que vai de 0 a 200 - Agência Brasil - A confiança dos empresários recuou 2,5 pontos em janeiro e atingiu 91,6 pontos, em uma escala que vai de 0 a 200. Os resultados acima de 100 indicam confiança. O resultado é o menor nível desde abril de 2021, quando o Índice de Confiança Empresarial (ICE) alcançou 89,6 pontos. De acordo com os dados divulgados hoje (1°) pelo Instituto Brasileiro de Economia da Fundação Getulio Vargas (Ibre/FGV), na métrica de médias móveis trimestrais, o indicador caiu pela quarta vez consecutiva, agora em 3 pontos. O ICE consolida os índices de confiança dos quatro setores abordados pelas Sondagens Empresariais produzidas pela FGV IBRE: indústria, serviços, comércio e construção. O indicador mostrou ainda u...
Anatel aprova compra da Oi Móvel por Vivo, TIM e Claro

Anatel aprova compra da Oi Móvel por Vivo, TIM e Claro

ECONOMIA
Cade tem até 15 de fevereiro para analisar o negócio - Agência Brasil - Por unanimidade, o conselho diretor da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) aprovou hoje (31), em Brasília, a compra do serviço de telefonia móvel da Oi pelo consórcio formado pelas operadoras Vivo, TIM e Claro. Os conselheiros seguiram o relator, Emanuel Campelo, que tinha dado aval ao negócio, mas impôs condicionantes. O julgamento tinha começado na última sexta-feira (28). Na ocasião, apenas o parecer foi lido. O diretor Vicente Aquino pediu vistas [mais tempo para analisar o tema], e a votação não começou. Na sessão de hoje, Aquino devolveu o processo com ajustes de redação e condicionantes adicionais em relação às medidas propostas por Campelo. Tanto o relator como os diretores Carlos Baigorri ...
Jogos: casos de covid-19 estão em faixa controlável, diz organizador

Jogos: casos de covid-19 estão em faixa controlável, diz organizador

MUNDO
Cerimônia de abertura da Olimpíada de Inverno será às 9h de sexta (4) - Reuters * - Pequim A situação da covid-19 nos Jogos Olímpicos de Inverno de Pequim está dentro da "faixa controlável esperada", apesar do aumento de casos positivos detectados, disse nesta terça-feira (1º) Huang Chun, vice-diretor geral do Escritório de Prevenção e Controle de Pandemia da Olimpíada da China. O Comitê Organizador dos Jogos Olímpicos de Inverno de Pequim 2022 registrou 200 casos de covid desde 23 de janeiro entre chegadas ao aeroporto e aqueles na bolha de "circuito fechado" dos Jogos que separa todo o pessoal do evento, incluindo atletas, do público. "À medida que mais pessoas estão entrando na China, os casos importados de covid-19 estão aumentando", disse Huang Chun, em uma entrevista col...
Ao abrir ano judiciário, presidente do STF pede tolerância em eleição

Ao abrir ano judiciário, presidente do STF pede tolerância em eleição

JUSTIÇA E SEGURANÇA
Ministro Fux citou ainda o enfrentamento à pandemia de covid-19 - Agência Brasil - O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Luiz Fux, conclamou os brasileiros para exercitarem a tolerância ao longo deste ano eleitoral e afirmou que não há espaço para a violência e ações contra o regime democrático. A fala ocorreu na manhã de hoje (1º), durante o discurso do presidente da Corte na sessão solene de abertura do ano judiciário. “Não obstante os dissensos da arena política, a democracia não comporta disputas baseadas no ‘nós contra eles’!”, disse Fux. “Em sendo assim, este Supremo Tribunal Federal, guardião da Constituição, concita os brasileiros para que o ano eleitoral seja marcado pela estabilidade e pela tolerância, porquanto não há mais espaços para ações contra...