segunda-feira, março 4A NOTÍCIA QUE INTERESSA
Shadow

Governo de MT investe R$ 10,7 milhões em intercâmbios para estudantes de escolas estaduais

Please enter banners and links.

Recursos são aplicados em duas edições do programa, em 2023 e o de 2024 que já foi lançada –

Rayane Alves | Seduc-MT

Estado custeou toda a documentação necessária para a viagem, passagens aéreas e hospedagens e ainda deu um valor semanal para cada estudante

O Governo de Mato Grosso investe R$ 10,7 milhões no Programa MT no Mundo levou 100 estudantes para a Inglaterra neste ano e irá oportunizar a experiência para uma nova turma, em 2024. A ação desenvolvida pela Secretaria Estadual de Educação (Seduc-MT) consolida a Política Educacional de Línguas Estrangeiras, uma das 30 políticas que compõem o Plano Educação 10 Anos e buscam colocar a rede estadual de ensino entre as cinco mais bem avaliadas no país até 2032.

O programa de intercâmbio tem duração de três semanas e, durante a estadia, cada estudante receberá uma ajuda de custo semanal no valor de 250 libras esterlinas, que corresponde a aproximadamente R$ 1.500 para despesas pessoais, como transporte e alimentação.

Além disso, o Estado custeou toda a documentação necessária para a viagem, passagens aéreas e hospedagens de todos os estudantes beneficiados com o programa. 

“Com o sucesso da edição de 2023, em agosto, em que 100 estudantes passaram 21 dias nas cidades de Brighton, Bournemouth, Liverpool, Worthing e Eastbourne, a expectativa para a edição de 2024 com o novo grupo de 100 jovens é muito grande”, declarou o secretário de Estado de Educação, Alan Porto. 

Alan observou que o objetivo dessa política é aprimorar o programa de formação continuada dos professores e levar o estudante a uma melhor proficiência em língua estrangeira, além de ampliar as possibilidades profissionais e também pessoais. 

A oportunidade fez a estudante Fabrina Ricely, 18 anos, se sentir orgulhosa em fazer parte da rede estadual de ensino. “O Governo nos ofereceu uma oportunidade que em nenhum outro estado teríamos, pois é um programa inédito nas escolas públicas brasileiras”, afirmou a aluna do 3º ano do Ensino Médio na Escola Estadual Governador Júlio Strubing Muller, em Várzea Grande, que participou do intercâmbio em setembro deste ano. 

Ela disse que jamais imaginou estudar fora do país, pois era algo fora da realidade financeira dela. “Falar sobre Mato Grosso para os ingleses foi uma experiência extraordinária, além de aprender sobre as suas culturas e conhecer lugares que eu pensava só existir nos meus sonhos”.

Na avaliação da estudante, a forma em que vê o mundo agora é outra. “Voltei totalmente empenhada em continuar estudando a língua inglesa, após ver o que ela me proporcionou neste intercâmbio. Outro momento que me impactou muito foi o dia da graduação na escola de inglês. Chorei por todas as vivências, os aprendizados e por saber que tudo foi real”.

Para Miguel Gomes, 17 anos, do 2º ano do Ensino Médio da Escola Estadual Getúlio Dornelles Vargas, em Primavera do Leste, que também participou da 1ª edição do intercâmbio, o Programa MT no Mundo ofereceu muito mais do que conhecer Londres e aperfeiçoar o inglês aprendido em sala de aula. “Expandir meus horizontes culturais e de vida, talvez, tenha sido a principal razão de comemorar tanto”.

Gabriel Carvalho, de 18 anos, cursa o 3º ano do Ensino Médio na Escola estadual de Tempo Integral Carlos Hugueney, em Alto Araguaia. Assim como os os colegas de intercâmbio, disse ter experimentado uma transformação pessoal significativa. “Estabeleci novas metas para o estudo de inglês. Além disso, minha perspectiva de mundo se expandiu, tive uma compreensão mais profunda de diferentes culturas”, pontuou.

Também com 18 anos, o estudante do 3º ano do Ensino Médio na Escola Estadual Professor Heliodoro Capistrano da Silva, em Cuiabá, Murilo Araújo, destacou que jamais conseguiria pagar as despesas de uma viagem como essa custeada pelo Governo do Estado. “Esta valorização que o Estado dá ao estudante da rede estadual é algo que marca a nossa rotina na escola e a nossa vida”, concluiu.


Em Londres, os estudantes também fizeram uma imersão cultural em visitas a museus e locais históricos

Jovens Embaixadores MT

Após a volta a Mato Grosso, 14 estudantes que participaram da 1ª edição do programa de intercâmbio MT no Mundo foram selecionados para atuar como jovens embaixadores do Estado. Eles vão auxiliar na recepção, tradução e interpretação durante eventos internacionais realizados no Palácio Paiaguás, em Cuiabá.

Eles foram selecionados considerando as melhores notas obtidas no TOEIC – sigla em inglês para Teste de Inglês para Comunicação Internacional. A oportunidade é fruto de parceria da Secretaria de Estado de Educação (Seduc-MT) com a Casa Civil, por meio do programa Jovens Embaixadores MT, e permitirá que eles continuem praticando a Língua Inglesa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WhatsApp
Enviar um WhatsApp para a redação
%d blogueiros gostam disto: