segunda-feira, fevereiro 26A NOTÍCIA QUE INTERESSA
Shadow

Assembleia Legislativa homenageia Flor Ribeirinha

Please enter banners and links.

Iniciativa do deputado Beto Dois a Um congratula os integrantes do grupo e também as empresas que apoiam a cultura –

JOSÉ LUIS LARANJA / Secretaria de Comunicação Social –

A Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso (ALMT) realizou, na noite de terça-feira (21), sessão especial para homenagear 81 personalidades com moções de aplausos. A iniciativa foi do deputado Beto Dois a Um (PSB), que manifestou reconhecimento público pelos serviços prestados as empresas mantenedoras do grupo artístico Flor Ribeirinha e seus integrantes, com o objetivo de incentivar a cultura popular e o folclore de Mato Grosso.

“É uma honra para mim poder homenagear esse grupo tradicional de Mato Grosso que fala muito sobre nossa capacidade de crescimento, e sobre a mudança de paradigma de cultura referenciada mundialmente com vários títulos mundiais”, disse o deputado Beto Dois a Um.

“São várias participações do Flor Ribeirinha que elevam a cultura de Mato Grosso, mostrando o caminho para que outras manifestações culturais possam divulgar a história do nosso estado. Um projeto bem feito e bem pensado pode alcançar o mundo, e isso o Flor Ribeirinha faz muito bem organizado. Tenho muito orgulho do trabalho artístico do Flor Ribeirinha, que nos representa pelo mundo”, disse o parlamentar.

O secretário adjunto estadual de Cultura, Jan Moura, lembrou que o Flor Ribeirinha é referência para outros grupos artísticos de Mato Grosso se apresentarem em competições internacionais.

“É bom destacar que o Flor Ribeirinha cumpre também outra missão que é muito especial, o grupo é referência para os demais grupos. A partir do momento que vemos o Flor Ribeirinha se destacando internacionalmente e ganhando tudo, a gente consegue perceber que eles estão influenciando outros grupos”, revelou.

“Isso é muito importante para a cultura de Mato Grosso. Posso dizer que o Flor Ribeirinha abre caminhos para que outros coletivos consigam chegar aonde o Flor chegou. Esse grupo é o resultado de políticas públicas, eles conseguem ser um vetor de capitalização de recursos públicos e privados também. Um sucesso total”, comentou.

A fundadora do Flor Ribeirinha, dona Domingas Leonor da Silva, destacou a importância da homenagem da Assembleia Legislativa e lembrou das dificuldades enfrentadas no início da formação do grupo.

“De todas as dificuldades que passamos, agora está sendo o reconhecimento positivo dessas conquistas. Está valendo o trabalho e sofrimento de todos esses anos que passamos, e hoje o Flor Ribeirinha é considerado um sinônimo da divulgação da cultura mato-grossense”, falou ela.

Dona Domingas agradeceu o apoio e incentivo à cultura no estado. “Para mim é uma emoção muito grande receber essa homenagem, que vai para nossa galeria de conquistas. Tenho orgulho de o grupo ser pentacampeão mundial de dança artística. Hoje o Flor Ribeirinha é respeitado no mundo todo. Agradeço muito a Deus, tenho 69 anos de vida, 50 deles trabalhando para a cultura e 30 anos de Flor Ribeirinha. Fazemos tudo por amor, não visamos lucros e nem dinheiro, por isso que Deus nos abençoa pelo nosso trabalho. Temos garra no que fazemos”, concluiu.

O diretor artístico do Flor Ribeirinha e neto de dona Domingas, Avinner Augusto da Silva Brandão, entende que o sucesso do trabalho vem da força de vontade nos ensaios de cada integrante que compõe o grupo.

“Estamos extremamente honrados e felizes com esse reconhecimento da Assembleia Legislativa, por parte do deputado Beto Dois a Um. Para nós, que somos legítimos representantes da nossa cultura, essa homenagem é um reconhecimento efetivo para o estado de Mato Grosso”, esclareceu.

“São 30 anos de Flor Riberirinha em que celebramos não apenas conquistas ou títulos internacionais de folclore, mas sim uma trajetória que rememora a nossa ancestralidade através dos mestres da comunidade São Gonçalo Beira Rio”, apontou ele.

O diretor artístico também destacou o trabalho passado de geração para geração pela família de dona Domingas.

“É história de vida e luta da minha avó, que passa por cinco gerações de cultura popular. Esse reconhecimento vem fortalecer ainda mais a cultura mato-grossense no sentido de preservar e divulgar nossas raízes. A força do povo Bororo permeia até hoje toda essa herança na nossa comunidade e também da energia da mulher, por meio da minha avó, que passa a energia para todos os integrantes do grupo”, disse.

O assessor institucional da empresa Energisa, um dos patrocinadores do Flor Ribeirinha, Carlos Luiz Moreira Junior, destacou o trabalho desempenhado pelo grupo em divulgar a cultura mato-grossense para outros países.

“Trata-se de um apoio fabuloso para uma representatividade não só de Mato Grosso, mas também internacional, que divulga a cultura do estado. É um prazer muito grande fazer parte do pool das empresas que apoiam o Flor Ribeirinha, ganhador e vencedor de tantos títulos nacionais e internacionais”, declarou ele.

Flor Ribeirinha – O grupo Flor Ribeirinha vem de uma recente conquista na Coreia do Sul. Os mato-grossenses venceram o Cheonan World Dance Festival, considerado o maior evento de dança folclórica da Ásia e o segundo maior do mundo. Esta foi a primeira vez que um grupo brasileiro venceu a competição.

Idealizado por Domingas Leonor para ensinar os passos e sons das danças para filhos e netos, que até hoje permanece à frente do projeto, o Flor Ribeirinha nasceu em 27 de julho de 1993, na comunidade de São Gonçalo Beira Rio, situada à margem esquerda do Rio Cuiabá, pertencente ao distrito do Coxipó da Ponte, em Cuiabá.

Vale destacar que, no começo, homens, mulheres e crianças levavam o ritmo mato-grossense em apresentações que se concentravam no estado, mas, com o passar do tempo, o Flor Ribeirinha teve o seu trabalho reconhecido e passou a levar o siriri para fora do país. O grupo folclórico já esteve se apresentando em mais de 20 países e, recentemente, na Coreia do Sul.

Atualmente o Flor Ribeirinha é composto por 70 pessoas no geral, com dançarinos, músicos, cantores e equipe de produção.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WhatsApp
Enviar um WhatsApp para a redação
%d blogueiros gostam disto: