terça-feira, março 5A NOTÍCIA QUE INTERESSA
Shadow

Pesquisa do Imea revela perfil e hábitos dos produtores rurais em Mato Grosso

Please enter banners and links.

Perfeil e habitos do produtor rural mato-grossense

O Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (Imea) apresentou na tarde desta terça-feira (30/05) os resultados da pesquisa “Perfil e Hábitos dos Produtores Rurais em Mato Grosso”. A apresentação aconteceu durante uma live transmitida pelo canal do Imea no YouTube. A pesquisa de realização do Imea e Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar-MT) faz parte do Projeto Desenvolvimento Regional de Mato Grosso. A live foi conduzida pelo superintendente do Imea, Cleiton Gauer.

Live de lançamento “Perfil e Hábitos dos Produtores Rurais em Mato Grosso”

A live contou com a participação do diretor Administrativo e Financeiro da Federação da Agricultura e Pecuária de Mato Grosso (Famato), Robson Marques, representando o presidente do Sistema Famato, Vilmondes Tomain. A diretora de inovação do Senar-MT, Ida Beatriz, representou o superintendente do Senar-MT, José Luiz Fidelis.

“Em nome do presidente Vilmondes Tomain, agradecemos ao Imea pela seriedade nos trabalhos realizados de pesquisas e estudo, falando especificamente desta pesquisa do perfil e hábito dos produtores, tenho certeza que vai ser de grande valia para subsidiar o produtor rural nas tomadas de decisão. O Imea faz um trabalho de grande responsabilidade, com relação à confiabilidade dos dados que norteiam a produção e a produtividade do nosso estado”, disse Robson Marques.

O Imea apresentou os resultados da pesquisa que contou com dados sobre o perfil das propriedades, dos produtores, utilização de tecnologia, as preferências dos produtores e informações sobre investimentos na atividade, distinguindo os agricultores e pecuaristas. O levantamento das informações ocorreu em outubro/22 por meio de ligação telefônica com os produtores rurais, conforme base de contatos do Imea.

O Instituto conversou com 790 produtores rurais em Mato Grosso, destes 398 são agricultores (50,38%), sendo que 20,85%, além de agricultores, são pecuaristas. Os outros 392 (49,62%) entrevistados são pecuaristas, desses 24,74%, além de pecuaristas, são agricultores. O que demonstra a diversificação das atividades por parte dos produtores rurais mato-grossenses.

Na pesquisa o Imea identificou 1,98 milhão de hectares de área (propriedade rural). Destas áreas os pecuaristas ocupam cerca de 695,29 mil hectares e os agricultores 1,29 milhão de hectares.

Das áreas agrícolas identificadas na pesquisa, 807,54 mil hectares são de soja, 619,44 mil hectares de lavouras de milho, 67,45 mil hectares de algodão e mil hectares para outras culturas.

Na pecuária, a pesquisa identificou 200,87 mil hectares de pastagem e 13,08 mil hectares dedicados à suinocultura. Tratando de outras culturas, a piscicultura ocupa 302 hectares, eucalipto 80, avicultura 1 (um), ILP 650 hectares.

Na agricultura 83,25% dos entrevistados se dedicam exclusivamente à atividade, e 16,75% se dedicam à agricultura e outras atividades. Na pecuária 60,10% se dedicam exclusivamente à atividade e 39,90% também exercem outras atividades.

Quando o assunto é desafios, a pesquisa revelou que os maiores problemas enfrentados pelo produtor rural são a falta de mão-de-obra e custos operacionais.

Na sucessão familiar cerca de 78% dos produtores responderam que estão se preparando para a sucessão familiar.

Na assistência técnica a pesquisa mostrou números expressivos, 90% dos agricultores entrevistados têm na propriedade o serviço de assistência técnica, e entre os pecuaristas o número foi de 73%.

Conectividade – Apesar da metade dos pecuaristas não utilizarem computador na propriedade, 86% relataram utilizar o smartphone.

Atualmente a internet é o principal canal utilizado para obter informações (82,66% dos agricultores e 82,40% dos pecuaristas), além dos serviços de consultoria e televisão.

Fonte: ASCOM Famato

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WhatsApp
Enviar um WhatsApp para a redação
%d blogueiros gostam disto: