segunda-feira, outubro 18A NOTÍCIA QUE INTERESSA
Shadow

Desigualdade no acesso a vacinas piora pandemia a nível mundial

Please enter banners and links.

 RTP –

“Quanto mais desigualdade houver no acesso às vacinas na África, menos eficaz será a luta contra o vírus, menos eficazes serão as vacinas contra as novas variantes e mais vagas de covid-19 vamos ter a nível mundial”, disse Tedros Adhanom Ghebreyesus, na sua intervenção de abertura.

A conferência de imprensa regular da OMS teve como participantes especiais esta semana o enviado especial da União Africana para a covid-19, Strive Masiyiwa, a diretora Regional da OMS para África, Matshidiso Moeti, e o diretor do Centro Africano de Controlo e Prevenção de Doenças, John Nkengasong.

O presidente do Banco Africano de Exportações e Importações (Afreximbank), Benedict Oramah, e a subsecretária-geral das Nações Unidas e secretária executiva da Comissão Económica para África (UNECA), Vera Songwe, também participaram na conferência.

Nas intervenções, os responsáveis convergiram na ideia de que África está a ser deixada para trás no combate à pandemia devido essencialmente aos acordos bilaterais que as companhias farmacêuticas fazem com os países mais ricos e, por outro lado, pela falta de um instrumento financeiro que permita aos países africanos “sentarem-se à mesa” das negociações para a compra de vacinas.

“Até agora a Covax deu 260 milhões de vacinas a 141 países, mas enfrentou vários desafios, com os produtores farmacêuticos a darem prioridade aos acordos bilaterais e com os países ricos a comprarem enormes quantidades”, lamentou Tedros Ghebreyesus.

“Posso parecer um disco riscado, não me interessa, vou continuar a pedir igualdade nas vacinas até a termos, mas há outras vozes a pedir a mesma coisa”, concluiu, referindo-se aos convidados da OMS, personalidades importantes para África na vertente económica, financeira e sanitária.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WhatsApp
Enviar um WhatsApp para a redação