Paranatinga: vocação para o agronegócio

Da redação –

O município de Paranatinga apesar de ter nascido pelo garimpo, conta uma vocação natural para o agronegócio, pois com um solo fértil e altamente produtivo, vem se despontando com a nova fronteira agrícola do Estado de Mato Grosso.

Atualmente o município tem uma área já explorada pela agricultura de aproximadamente 320.000 hectares, nas culturas de soja, algodão, arroz, milho e feijão. Mas com uma área a ser explorada de mais de 2 milhões de hectares, uma enormidade.

Mas o município não é grande apenas na agricultura, pois conta com um rebanho bovino de aproximadamente 421 mil cabeças, em 880 propriedades.
E na agricultura familiar também se destaca com tem aproximadamente 5.450 trabalhadores, somando os assentamentos e tradicionais.

Sendo que todos possuem suas culturas de mandioca, frutas, verduras e pescados para o sustento próprio e comércio. Além de possuírem suas cabeças de vacas leiteiras.
Para atender e cuidar das demandas deste promissor setor a prefeitura de Paranatinga conta com a Secretaria Municipal de Agricultura, que vem desenvolvendo um importante trabalho junto a agricultura familiar no município, sem deixar, no entanto, de atender as demandas, junto com o prefeito Marquinhos do Dedé, dos médios e grandes produtores e pecuarista.
Neste sentido a administração municipal busca constantemente manter e melhorara as condições de trafegabilidade da extensa malha viária não pavimentada do município, visando o escoamento da produção agropecuária.

O empenho do prefeito, Marquinhos do Dedé, está na pavimentação de importantes via como as ligando Paranatinga aos distritos de Sete Placas e Santiago do Norte, além da conclusão da pavimentação do trecho de 280 quilômetros entre Paranatinga e Canarana. E assim alavancar em definitivo o desenvolvimento e progresso de Paranatinga.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *